Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

122 - Encara a escrita com uma vontade de viver de sair de si de deixar marca

Meu muito amado filho


Encara a escrita como mais que deixar recados como muito mais que transmitir noticias.
Encara a escrita como uma vontade incrível de viver, de sair de ti, de te dares ao mundo, de quereres ser uma pessoa melhor. Há pensamentos que muitas vezes têm de sair de nós, da nossa mente e só para o papel podem ir. Só para um registo definitivo devem caminhar!
Um dia vai haver alguém que na minha ausência te falará sobre as coisas que eu escrevi na vida toda... artigos, livros, cronicas. Vão haver várias pessoas que te poderão falar sobre isso. Por exemplo a tua avó, a tua tia Xana muitos colegas da mãe muitas outras pessoas que desde pequeno já te querem muito bem.
Algumas coisas que eu escrevi vais entender, outras nem por isso. Todas foram escritas do coração, por razões que vão desde o trabalho e sua divulgação cientifica até a manter a minha sanidade mental. Sim filho porque quando cresceres vais perceber que há pensamentos que se não saem da tua cabeça para um papel.…

121 - Sobre alergias alimentares...

Meu muito amado filho

Cada um de nós é o que é ... uns altos, outros baixos, uns loiros, outros morenos, uns com as orelhas pequenas outras grandes, uns com nariz direito outros com nariz torto... seja como for somos o que somos e só temos é que ser felizes com  o que somos e seguir em frente!
Ontem descobrimos que tens umas alergias alimentares a ver: leite, trigo, clara de ovo, bacalhau, amendoim e soja.
Pronto é assim e mais nada. Agora vamos crescer e aprender a viver com não beber leite, com comer pão e massa sem glúten, com fazer ovos mexidos apenas com a gema, com evitar o fiel amigo bacalhau comendo antes outras coisas e no Natal sem duvida peru, a soja também não te fara falta alguma e quanto ao amendoim... há sempre amêndoas!

O que é que te quero dizer com isto tudo... são coisas sem a menor importância que aprenderemos a viver e a conhecer nada mais. Quem é muito grande ou tem os pés grandes não se tem de adaptar a ter uma cama feita por medida e menos variedade de sapatos …

121 - Sempre que puderes viajar para um sitio bonito

Meu muito amado filho
sempre que possas e tenhas oportunidade viaja para longe de casa para um sitio bonito para poderes arejar os olhos a alma o coração.


Amo-te demais



Tua mãe

120 - Pratica a empatia

Meu muito amado filho

Pratica a empatia, Tenta pôr-te no lugar dos outros. Mas tenta mesmo. Com força imaginação e coragem calças os sapatos deles e sentir... sentir o que sentem o que sofrem o que os alegra o que lhes faz sentido.


Amo-te demais



Tua mãe

119 - Rezar com sentido

Meu muito amado e querido filho
Não faças preces para obteres coisas, ou para fazeres pedidos, reza antes para teres sabedoria para percebes qual o caminho que te está a ser indicado e coragem para cumprires o que te é pedido.


Amo-te demais



Tua mãe

118 - Nunca comas ou bebas açai da arvore

Meu muito amado filho

Açai é opimo cheio de qualidades nutritivas mas nunca o bebas natural, diretamente da árvore.
Podes infectar-te com Trypanosoma cruzi, agente causal da Doença de Chagas.
Nunca arrisques.


Amo-te demais



Tua mãe


117 - Luta contra o preconceito e a discriminação

Meu muito amado filho

Sempre que te cruzares com preconceito e a discriminação luta contra eles com todas as tuas forças.

Sempre


Amo-te demais



Tua mãe

116 - Faz lista...

Meu amado filho
Faz uma lista com 25 coisas que achas dever experimentar antes de morreres. Anda sempre com ela na carteira e consulta-a com frequência.


Amo-te demais



Tua mãe

115 - Aprende a cozinhar bacalhau

Meu muito amado filho
Como português deves aprender a cozinhar pelo menos um ou dois pratos de bacalhau. Vais ver como é bom lembrar de onde vimos.

Aqui te deixo uma das minha preferidas... Bacalhau Espiritual


ingredientes:600g de bacalhau
60g de margarina
2 dentes de alho
2 cebolas médias
400g de cenouras
2 pãezinhos ensopados em 2,5 decilitros de leite quente
1 colher de sopa de queijo ralado
90g de margarina
100g de farinha
1 litro de leite
3 ovos
Sal
pimenta
noz-moscada
preparação:Lasque o bacalhau depois de demolhado e limpo de peles e espinhas.
Rale as cebolas com as cenouras e os alhos, tudo descascado.
Num tacho, refogue o preparado de cebola com a margarina, mexendo sempre até alourar.
Adicione o bacalhau, ligando bem e deixando apurar um pouco.
Acrescente os pãezinhos até estar tudo bem misturado e retire do lume.
Entretanto aqueça a restante margarina, junte a farinha, mexa bem e adicione o leite quente em fio, mexendo sempre.
Quando começar a ferver retire do lume e junte as gemas, mexendo mui…

114 - Deixa-te de culpares os outros

Meu muito amado filho

Assume sempre a responsabilidade por todo e qualquer aspecto da tua vida

Amo-te muito



Tua mãe

113 - Lembra-te sempre do nome das pessoas

Meu muito amado filho
Uma das grandes lições que o teu pai me ensinou foi este mesmo a tratar as pessoas pelo nome próprio, saber o nome das pessoas é fundamental.
Quando te cruzares com elas no teu prédio, no teu trabalho, no mecânico, na escola, na vida enfim... diz Bom dia João, Olá Nelson, Como vai Maria, Como tem passado Inês?
Enfim ... dá importância as pessoas fazendo isso mesmo.



Amo-te demais

Tua mãe

112 - Nunca vás para a cama com louça suja para lavar na cozinha

Meu muito amado filho
Por mais cansado que estejas depois da festa não te deites com loiça suja na lava-loiças.
Lava-a

Amo-te muito



Tua mãe

111 - Nunca entres no carro de um condutor que esteve a beber uns copos

Meu muito amado filho 
Em nenhuma circunstancia entres no carro de um condutor que esteve a beber uns copos. Chama um taxi, vai a pé, liga a tua mãe que te vai buscar. Nunca entres num carro de alguém que bebeu. Nuncaaaaaa nunquinha.

Só faltam 1000 recados para ti... vamos no bom caminho!


Meu muito amado filho que amo como se ama a pera docinha que se derrete na boca.

Tua mãe