Pular para o conteúdo principal

369 - Sobre coragem e amor ou será sobre amor e coragem?

Meu muito amado filho Estêvão

"A coragem é a resistência ao medo, o domínio do medo - não a ausência de medo"
Mark Twain

"Há muitos anos, quando trabalhava como voluntário num hospital conheci uma menina chamada Luisa que sofria de uma doença rara e muito grave. A sua única aparente salvação seria uma transfusão de sangue do seu irmão de cinco anos, que miraculosamente sobrevivera à mesma doença e desenvolvera os anticorpos necessários para a combater.
O médico explicou a situação ao seu irmãozinho e perguntou ao rapaz se estava disposto a dar sangue à irmã. Vi-o hesitar, apenas um momento, antes de respirar fundo e dizer: "Sim, se isso salvar a Luisa".
Enquanto a transfusão decorria, ele estava deitado na cama ao lado da irmã e sorria, como todos nós, ao ver a cor voltar ao rosto dela.
Então, o resto dele empalideceu e o sorriso desapareceu. Levantou o olhar para o médico e perguntou em voz trémula: "Vou começar a morrer já?".
Como era pequeno o rapazinho não percebera o médico e pensava que ia dar-lhe todo o sangue. E mesmo assim não hesitou e deu."
Dan Millman.

"Ao olhar para trás para a sua vida irá descobrir que os momentos que se destacaram, os momentos em que viveu realmente, são os momentos em que fez coisas em espírito de amor"
Henry Drummond



O amor meu amado filho .... o amor é a força maior do mundo é o que dá coragem aos mudos, aos coxos, às mães.
O amor monta e constroi a alma.



"Fazer escolhas é das nossas maiores dificuldades. Talvez pela exigência mental e emocional que uma escolha exige. E muitas vezes sentimos sufoco por não sabermos o que escolher. Pelo medo da própria escolha. Ou pelas consequências que a própria escolha vai trazer.
Talvez o medo seja rei e senhor no processo de escolha, e por este motivo fica muito doloroso escolher. Porque há medo.
Não há fórmulas mágicas para nada. E se há medo, é para nos proteger e não nos precipitarmos na escolha. Sem medo podíamo-nos atirar de cabeça para uma piscina sem água. Onde a escolha de mergulhar foi mal medida. Mas medo em excesso bloqueia e não nos permite avançar. Se se coloca à nossa frente uma escolha, é porque há algo em nós para mudar e para escolher. Se não houvessem escolhas então era porque não as sentimos como necessárias. Também não há respostas certas nem erradas. E talvez também não hajam escolhas más nem boas. Há escolhas simplesmente. Algumas no inicio parecem más e mais tarde revelam-se as melhores. Outras no início parecem ótimos e mais tarde revelam-se péssimas. Portanto...
Consciência no presente. Perceber o melhor para nós sem violência emocional ou com a mínima. A análise suficiente e a escolha surgirá. Não sabemos se será a melhor, mas pelo menos será aquela que de momento nos vai parecer a melhor.
A vida e a própria escolha dirão no futuro de sua justiça.
Observar. E avançar, seja para que escolha for. Sempre com coragem porque nunca imaginas o tamanho da nossa força que às vezes se mostra gigante. Auto-entrega à vida, que de forma sábia nos vai ajudar a arrumar a vida, da melhor forma possível e com o propósito que tudo acontece como deve acontecer e nada acontece por acaso."
Diana Gaspar Duarte



Escolhas.... dá um medo escolher... mas é assim mesmo .... se Deus te as pôs no caminho ... é para aprenderes e fazeres o teu caminho. Sem medo. Alias não... Com medo mesmo... o medo põe nos mais alerta. Mas jamais deixes o medo parar as tuas pernas. Jamais.

Com a vida vai aprender que há coisas que ou se aprende em casa ou se aprende com Deus na alma ou não há dinheiro que compre... 
Educação, maneiras.... como diz a minha avô "berço", 

Moral... ter moral é uma coisa que realmente nada tem a ver com dinheiro moral é saber o que está certo e errado e não "aquilo que vão descobrir" e o que "não vão descobrir", moral é fazer o bem

Respeito... respeito ao outro a quem está ao pé de nós, não nos por no centro do mundo e apenas pensar no que é bom para nós. Respeito é muito mais que educação é simplesmente perceber que nos somos um grão na areia de uma praia e o que é importante para nós não pode prejudicar o outro.

Caracter .... ter caracter é entender as regras é não ser flexivel e mole quando se trata das obrigações. É ter "espinha dorsal" é não ser um "vira-casacas" ..

Senso comum... 

Confiança... uma vez perdida jamais será igual. Jamais.

Paciência

Classe... que é infinitamente maior que vestir bem... ter classe é saber estar é saber conversar.

Integridade. Ser integro é fazer o bem mesmo quando o mal não seria descoberto. É ter o bem do outro, o bem da sociedade, o bem maior como objectivo e não ser corrupto, não ser aldrabão, não cometer fraudes, honrar a palavra.

AMOR.... esse não há mesmo dinheiro nenhum que compre.... e ainda bem, porque só assim é verdadeiro.

E eu acrescento duas coisas... 

Saude .... só quem já perdeu sabe o seu valor.

Falar correctamente... há coisas muito piores que falar e escrever mal .... mas a vida vai te mostrar que alguem que apesar de ser corrigido e ensinado continua a dizer e a escrever "puse-a", "para mim escrever", "iorgurte", "os despois", "prontos"... doi!!!




Amo-te infinitamente


Tua mãe

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

69 - Os cães ladram e a caravana passa

Amado filho
Os “cães ladram e a caravana passa” é um proverbio árabe muito usado ainda hoje e que simboliza ainda muito do nosso comportamento humano.
Observa a maravilha de contradição existente no meio da afirmação. O estacionário e o evolutivo. Sabe-se que seguir adiante é da constituição das caravanas (e das pessoas), tal qual ladrar é da constituição dos cães. Aliás, os cães apenas ladram para avisar a seus donos a aproximação de algo que não faz parte de seu habitat convencional, ou quando desejam fazer festa para algum conhecido. Também é da sua constituição manterem-se próximos aos locais onde vivem, como se fossem limitados por um círculo invisível. No primeiro caso, não importa que a caravana tenha boas notícias, nem remédios importantes, basta que não seja daquele local. No segundo, o latido é diferente, mas é latido. Mas se ambos agem de acordo com suas constituições o que há de excecional na expressão? Exatamente o sentido de um permanecer estacionado e do outro seguir semp…

665 - Deixa-me dizer-te algumas coisas que se calhar não vais ouvir de mais ninguém

Meu muito amado filho Estêvão

"Querido filho, deixa-me dizer-te algumas coisas que se calhar não vais ouvir de mais ninguém. 
Os teus pais fizeram sempre o melhor que souberam fazer. 
E os avós também fizeram isso com os pais. 
Ninguém é melhor do que ninguém. 
Andamos todos às apalpadelas nesta coisa a que chamam vida. 
Ser feliz é o objetivo e cada pessoa tem uma noção diferente do que é a felicidade. Respeita isso. Deixa-me dizer-te que, quando nasces, já existe um Sistema onde se tabela logo que vais passar 12 anos a estudar e mais cinco na universidade. São 17 anos da tua vida. Tenta aprofundar as matérias que mais interesse te despertem e nunca - mas nunca - escolhas um curso só porque tem mais saídas profissionais. É que depois, diz o tal Sistema, vais trabalhar mais 40 anos até à reforma e, pelo menos, tens que gostar de fazer o que fazes para não caires no consultório de um psiquiatra que te receita umas pílulas da alegria que só mascaram a dor (os anti depressivos são os cosm…

644 - Porque é que as vezes as mães choram

Meu muito amado filho Estêvão

Ontem viste-me a chorar e muito e ficaste triste e muito e perguntaste-me "porque choras mãe? tu não tens medo de nada!".

Não podias estar mais errado. Tenho medo de tudo tudo tudo. Desde que nasceste então tenho ainda mais.

Ontem não foi um dia bom mas ontem foi só a ultima gota que encheu o copo.
Ontem estacionei o carro mal, não cumpri o código da estrada e para ir a correr dar uma aula estacionei em cima do passeio. Não devia foi errado e veio o reboque e levou o meu carro. Fizeram bem, eu errei. Passado o primeiro momento em que não sabia do carro e pensei que me o tinham roubado o carro, lá o fui buscar a polica.
Atenção que eu sei que errei, ok? eu estava mesmo mal parada, nunca faço isso fiz ontem e não devia.
Enquanto esperava para ser atendida, os policias que com certeza ganham mal e tem mais trabalho do que deviam demoraram muito a atender e um senhor que lá estava antes começou a irritar-se e a falar alto e que não pagava que aquilo…